Ultrassom da Tireoide

Tireoide: Conheça mais sobre essa área do corpo.
 
Tireoide é uma das glândulas mais importantes do corpo humano. Muitas pessoas desconhecem os problemas que podem acontecer quando a tireoide secreta mais ou menos hormônios do que deveria.

Os hormônios da tireoide, o T3 (triiodotironina) e o T4 (tiroxina), são responsáveis pela regulação da taxa de metabolismo, controle dos batimentos cardíacos, funcionamento intestinal, memória, humor, funções de aprendizado, entre outras.

Ultrassom de Tireoide: Para que serve e como é feito. 

Além da desregulação da secreção dos hormônios, o tireoide pode apresentar outros problemas, como o surgimento de nódulos e cistos. Por isso, é muito importante fazer exames periódicos da tireoide, incluindo o ultrassom.

O ultrassom de tireoide é um exame simples, que não requer nenhuma preparação. Nele, o médico radiologista poderá analisar o tamanho da glândula, além da presença de nódulos e cistos.

Ultrassom de Tireoide: Para quem é indicado?

Pesquisas recentes estimam que, acima dos 40 anos de idade, cerca de 50% da população possui algum tipo de nódulo na tireoide, mesmo sem desconfiar e nem apresentar sintomas ou alterações em exames de sangue. Os nódulos, geralmente, são mais frequentes em mulheres, são de pequeno tamanho e, em muitos casos, somente descobertos por meio do exame ultrassonográfico.

Importância do Ultrassom de Tireoide.

A ultrassonografia é de vital importância para a detecção dos nódulos na tireoide, que em apenas 10% dos casos são palpáveis no exame físico. Durante o exame, nódulo ou cistos de dois milímetros podem ser visualizados facilmente pelo médico. Depois do exame, o médico radiologista emite um laudo que servirá para o médico que solicitou o exame avaliar a conduta a ser adotada. Na ultrassonografia podemos classificar os nódulos de acordo com o seu risco de malignidade e assim orientar com maior precisão quando fazer a biópsia.
Editorial, 25.AGOSTO.2021 | Postado em Geral


  • 1
Exibindo 1 de 1